terça-feira, 25 de março de 2014

Foram reenquadrados mais 500 anistiados da CAIXEGO

(Foto by Dayse Lucidi)

Esta terça-feira, 25 de março de 2014 entra para a história dos anistiados da Caixego. Neste dia, o Governador Marconi Perillo reconduziu ao quadro do funcionalismo público estadual, mais 500 companheiros pertencentes a turma de 2014, totalizando mais de 1.000 ex funcionários da Caixego reconduzidos ao quadro de pessoal do Estado de Goiás, cumprindo-se assim 67% da totalidade que a lei n° 17.916/2012 prevê . Ao todo foram enquadradas na anistia 1.720 pessoas. A ARC- Associação de Resgate e Cidadania do Estado de Goiás, trabalha arduamente no sentido de alcançar com brevidade, a totalidade de todos os anistiados, resgatando assim, a cidadania e dignidade de todos os ex trabalhadores da Caixego, com o retorno de suas atividades profissionais no quadro efetivo do Governo de Goiás. Mesmo enfrentando entraves jurídicos, a ARC, reconhecidamente o nosso único instrumento jurídico, luta em todos os sentidos, para que as etapas em que foi dividida a LEI Nº 17.916, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2012, conforme prevê o Art. 7o, sejam abreviadas.

(Foto by Dayse Lucidi)

Na abertura do evento, o secretário de Gestão e Planejamento, Leonardo Villela, saudou os ex-funcionários da Caixego e lembrou a saída dele da administração pública por motivação política. “Hoje vocês recomeçam a jornada de vocês que foi tragicamente interrompida anos atrás, por um ato de perseguição exclusivamente política. Depois de muita luta, perseverança e determinação, hoje os senhores ganham de volta a cidadania graças ao governador”, afirmou o secretário fazendo um histórico do processo de reintegração dos ex-funcionários da Caixego.


“Mobilizamos a equipe Segplan para ter um atendimento célere e humanizado às pessoas que tiveram seus pedidos deferidos. O primeiro chamamento se deu em dezembro de 2013, com o início das atividades no primeiro dia útil daquele mês, que por sua vez foi precedido de um curso de capacitação sobre gestão pública estadual. Na atual solenidade, que faz o segundo chamamento dos servidores públicos habilitados a serem enquadrados, digo que estou honrado por acolher mais 500 novos colegas”, afirmou Leonardo Vilela.


Ao fim de sua fala, Vilela informou que seria entregue a cada um deles a portaria de enquadramento definitivo e a portaria de lotação que indica o órgão em que cada um iniciará suas atividades no Estado e as orientações do curso de atualização sobre gestão pública, que será realizado amanhã e na quinta-feira (26 e 27/03) na Escola de Governo Henrique Santillo.
(Foto by Dayse Lucidi)

"Que Deus seja a morada de todos nós, nesta passagem nossa, nesta terra." Com estas palavras Antonio Alencar Filho, presidente da ARC - Associação de Resgate e Cidadania do Estado de Goiás, iniciou seu breve discurso, saudando os companheiros anistiados, as autoridades presentes, convidados e familiares. Basicamente suas palavra se resumiram em gratidão, amizade, compromisso, confiança e sobretudo lealdade ao Governador Marconi Perillo.
(Foto by Dayse Lucidi)

Em seu discurso de saudação, o governador Marconi Perillo afirmou que os novos servidores vão agregar “muito valor” à administração pública goiana e que a liquidação extrajudicial da Caixego foi uma “página negra” na história de Goiás. De acordo com Marconi, a reinserção dos ex-servidores da Caixego nos quadros do funcionalismo estadual só foi possível porque estabeleceu-se uma “relação de confiança” entre eles e o governo. “Na vida, confiança é tudo”, resumiu.


Marconi ressaltou ainda que o governo estadual está muito satisfeito com o trabalho que vem sendo prestado pelos ex-servidores que já foram chamados. “Estão sendo uma mão de Deus a nos ajudar”, disse, referindo-se ao primeiro grupo, reconduzido no ano passado. “O nosso governo teve a coragem de enfrentar o problema e buscar uma solução jurídica – e devo dizer que não foi uma tarefa fácil, porque não eram poucos os que diziam que essa era uma causa perdida”, afirmou Marconi no discurso.


Também participaram da solenidade o vice-governador José Eliton Júnior, o secretário de Cidades, João Balestra, os presidentes da GoiásFomento, Juceg e Fapeg, os deputados estaduais Fábio Sousa e Nédio Leite (PSDB), Ademir Menezes (PSD) e Humberto Aidar (PT), o presidente da Associação Resgate e Cidadania, Antônio Alencar, ex-servidores e familiares, além de integrantes do governo Estado.

Estes são alguns dos anistiados, agora pertencentes novamente ao Quadro do Funcionalismo Público do Estado de Goias.

quarta-feira, 12 de março de 2014

Desembargadora-presidente recebe visita do presidente da Associação de Resgate da Cidadania do Estado de Goiás




A presidente do TRT Goiás, desembargadora Elza Silveira, recebeu a visita institucional do presidente da Associação de Resgate da Cidadania do Estado de Goiás (ARC-GO) e conselheiro da Associação Goiana de Imprensa de Goiás (AGI), Antônio Alencar Filho, na tarde desta quarta-feira, 12/3. Durante a visita, a desembargadora Elza Silveira afirmou que está sempre em busca dos direitos humanitários e dos que são discriminados. Ela também foi elogiada pelo presidente da ARC-GO. “O TRT está muito bem representado nas mãos de uma grande mulher humanística e, acima de tudo, sábia em suas decisões”, comentou.