Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

FELIZ ANIVERSÁRIO, ALENCAR !!!!

Imagem
Neste domingo, 27 de Setembro, Antonio Alencar Filho, comemora mais um ano de vida, e diga-se de passagem, um ano árduo, de batalhas, em prol da Família Caixego, que é hoje a nossa Associação Arc.


Esta Família se assemelha a uma orquestra, cujo maestro é o nosso querido Alencar, que com sua inteligência e força interior, usa a sua batuta e de nota em nota vai construindo uma melodia linda, que um dia soará por todo este nosso Estado e também pelo o país com o nome "Anistia".


Seu aniversário foi comemorado juntamente com nossa reunião mensal com um grandioso churrasco e com quase 1.000 pessoas presentes, confraternizando e sobretudo tomando conhecimentos sobre os avanços das negociações, dos entraves que nossa Associação vem travando ao longo destes meses, e
os resultados altamente positivos.
Estiveram presentes a Deputada Federal Raquel Teixeira, Deputada Estadual Flavia Morais, Secretaria do Estado de Cidadania e Trabalho, Deputado Estadual Humberto Aidar. Todos estes político…

19 anos de massacre dos ex-servidores da Caixego

Segundo os ensinamentos bíblicos, nascemos das mãos de Deus para sermos irmãos na plenitude desta palavra. Através dos tempos, essa prática vem se perdendo e, frequentemente, temos nos deparado com situações muito tristes produzidas por novíssimos falsos profetas, os “politiqueiros de plantão”. Criaturas que têm conseguido permanecer na política há décadas, propagando uma imagem de “homens sérios” e que não passam de hipnotizadores profissionais de um sistema arcaico com padrões de práticas individuais duvidosas e ações sociais enganadoras, herança produzida pelos resíduos de uma oligarquia que visa o poder pelo poder e segue exemplarmente a teoria maquiaveliana, em que “um príncipe prudente não deverá pois agir contra seus interesses e quando os motivos que o levaram a empenhar a palavra deixarem de existir”. Podemos, aqui, estabelecer um paralelo com os antigos matadouros a céu aberto, malcheirosos e cheios de predadores, onde a matéria-prima não é o animal, mas o ser “homem”, sacri…
Segundo os ensinamentos bíblicos, nascemos das mãos de Deus para sermos irmãos na plenitude desta palavra. Através dos tempos, essa prática vem se perdendo e, frequentemente, temos nos deparado com situações muito tristes produzidas por novíssimos falsos profetas, os “politiqueiros de plantão”. Criaturas que têm conseguido permanecer na política há décadas, propagando uma imagem de “homens sérios” e que não passam de hipnotizadores profissionais de um sistema arcaico com padrões de práticas individuais duvidosas e ações sociais enganadoras, herança produzida pelos resíduos de uma oligarquia que visa o poder pelo poder e segue exemplarmente a teoria maquiaveliana, em que “um príncipe prudente não deverá pois agir contra seus interesses e quando os motivos que o levaram a empenhar a palavra deixarem de existir”. Podemos, aqui, estabelecer um paralelo com os antigos matadouros a céu aberto, malcheirosos e cheios de predadores, onde a matéria-prima não é o animal, mas o ser “homem”, sacri…

A palavra precisa voltar a valer mais que papel

As relações humanas, na atualidade do mundo em que vivemos, têm padecido de seus conceitos, por serem relativizados no ondular dos interesses em jogo de determinadas situações.
Em nossas casas, adotamos internamente os padrões assimilados de familiares e de nossos contemporâneos mais próximos, representando um verdadeiro berço de formação moral e ética consentânea com os melhores princípios e virtudes da civilização ocidental cristã.
Tentamos viver na comunhão de pensamentos e ações, sintonizando hábitos, sentimentos e emoções através de ações positivas na busca da harmonia interior e coletiva. No entanto, tendências costumam emergir em nosso ser que, às vezes, nem mesmo as reconhecemos como possíveis. Na sociedade global, cuja prática consumista tornou-se generalizada até mesmo nos países em desenvolvimento com seus Estados e municípios ainda autodenominados democratas, tem-se verificado o aparecimento dos mais diversos perfis humanos, não só no setor empresarial, mas, sobretudo, na á…

CONVOCAÇÃO GERAL

A nossa fé e a nossa vontade nunca serão contidas... removerão montanhas se necessário, e ecoarão por todos os recantos!

COMPANHEIROS, agendem-se! A nossa reunião mensal está programada para o dia 27.09.2009. O local será informado oportunamente.

Pauta resumida da reunião:

01) Abertura com Hino Nacional, seguida da oração em louvor a Deus;
02) Momento cultural com as participações dos Irmãos Queiroz (Companheiro Silvinho), Miriam e José Araújo;
03) Informação das ações desenvolvidas nos meses de agosto e setembro de 2009 (se preparem para Grandes Novidades!);
04) Pronunciamentos das Autoridades convidadas;
05) Almoço - carne assada, vinagrete, mandioca, feijão tropeiro - (sem nenhum custo para o associado);
06) Bingo com vários prémios objetivando a harmonia e a interação de todos os presentes;
07) Lançamento da IV edição do Jornal RC-Resgate da Cidadania.

Participem e levem seus familiares para que possamos, em comunhão com Deus, atingir nossos objetivos que, com certeza, não estão distantes!